01:16 21 Abril 2019
Ouvir Rádio
    Riad, capital da Arábia Saudita

    Arábia Saudita concorda em financiar a reconstrução da Síria

    © AP Photo / Markus Schreiber
    Oriente Médio e África
    URL curta
    14123

    O presidente dos EUA, Donald Trump, disse em um comunicado que a Arábia Saudita concordou em pagar pela reconstrução da Síria ao invés de os Estados Unidos.

    "A Arábia Saudita agora concordou em gastar o dinheiro necessário para ajudar a reconstruir a Síria, ao invés dos Estados Unidos [o fazer]", disse Trump via Twitter.

    Trump congratulou a decisão de Riad, acrescentando que é "bom quando países imensamente ricos ajudam a reconstruir seus vizinhos, em vez de um grande país, os EUA, que estão a 5000 milhas de distância".

    O comentário do presidente ocorre após o anúncio de que os Estados Unidos retirariam seus cerca de 2.000 soldados da Síria já que o grupo terrorista Daesh (grupo terrorista autodenominado Estado Islâmico) havia sido derrotado. No entanto, a Casa Branca depois esclareceu que a decisão não significa que a luta da coalizão internacional liderada pelos EUA contra o Daesh acabou.

    Parlamentares democratas e republicanos no Congresso dos EUA que apoiaram o envolvimento e intervenção militar dos EUA criticaram a decisão de Trump, dizendo que a retirada das tropas dos EUA da Síria levará ao ressurgimento do Daesh e ajudará Rússia, Turquia e Irã a cumprir seus interesses na região.

    Tags:
    Estado Islâmico, Casa Branca, Daesh, Congresso dos EUA, Donald Trump, Irã, Rússia, Turquia, Riad, Estados Unidos, Arábia Saudita
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar