13:59 21 Maio 2018
Ouvir Rádio
    Damasco após bombardeamentos, supostamente por terroristas do Daesh

    Tel Aviv teria avisado Rússia antes dos ataques contra a Síria

    © AP Photo/ Sem credenciais
    Oriente Médio e África
    URL curta
    19624

    O exército israelense informou os militares russos com antecedência sobre os ataques aéreos contra a Síria em represália ao ataque de mísseis por parte das forças iranianas posicionadas no território sírio, declarou o porta-voz do exército israelense, Jonathan Conricus.

    Ele disse: "Os russos foram informados antes do início do ataque, usando o mecanismo que temos".

    Desde o outono de 2017, entre Israel e Rússia existe um mecanismo das comunicação que visa proteger os militares dos dois países de confrontos ocasionais e outros incidentes perigosos que possam surgir durante a realização das operações da Síria.

    Um dos elemento-chave deste mecanismo é a linha telefônica direita entre o Centro de Comando em Tel Aviv e a base aérea russa de Hmeymim.

    Na madrugada de 10 de maio, as forças antiaéreas sírias repeliram um ataque de Israel. Sobre as províncias de Al-Quneitra, a 40 quilômetros de Damasco, e Homs, foram derrubados dezenas de mísseis, a maioria dos quais não atingiu os alvos.

    Este já é o segundo ataque israelense contra a Síria nesta semana. Na madrugada de quarta-feira (9), Israel bombardeou os arredores a sul de Damasco.

    Mais:

    Irã ataca Israel a partir da Síria
    EUA compensam fracasso na Síria com mais sanções contra Rússia
    Israel em alerta máximo para suposto ataque iraniano
    Tags:
    bombardeamento, ataque, mísseis, militares, Rússia, Síria, Israel
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik