16:59 20 Outubro 2018
Ouvir Rádio
    Aiatolá Ali Khamenei fala em Teerã, Irã (arquivo)

    Líder iraniano: há mais de 10 mentiras no discurso de Trump sobre saída do acordo nuclear

    © AP Photo / Escritório do líder supremo iraniano
    Oriente Médio e África
    URL curta
    EUA se retiram do acordo nuclear com Irã (32)
    5211

    O líder supremo iraniano, aiatolá Ali Khamenei, referiu-se ao discurso de Donald Trump, presidente norte-americano, sobre a saída dos EUA do acordo nuclear, como "estúpido e superficial".

    "Ele podia ter mais de 10 mentiras em seus comentários. Ele ameaçou o regime e as pessoas, dizendo que 'vou fazer isso e aquilo'. Senhor Trump, digo-lhe em nome do povo iraniano: você cometeu um erro", declarou Khamenei em 9 de maio.

    Khamenei tem apoiado o acordo nuclear iraniano e criticado Donald Trump por não cumprir as promessas dadas sobre o acordo.

    Na terça-feira (8), Donald Trump anunciou decisão de sair do Plano de Ação Conjunto Global (JCPOA, na sigla em inglês) e prometeu voltar a introduzir sanções econômicas mais rigorosas contra o Irã em resposta ao desenvolvimento do programa nuclear de Teerã.

    Em resposta ao passo dos EUA, o presidente do Irã, Hassan Rouhani, disse no mesmo dia que Teerã não pretende sair do JCPOA e que o acordo continua entre o Irã e os restantes cinco participantes.

    O JCPOA foi assinado em 14 de julho de 2015 pela União Europeia e o grupo de países P5+1, ou seja, pela China, França, Rússia, Reino Unido e EUA mais a Alemanha. O documento estipula o cancelamento gradual das sanções contra o Irã em troca do encerramento de seu programa nuclear e autorização de inspeções para garantir caráter pacífico do programa.

    Tema:
    EUA se retiram do acordo nuclear com Irã (32)

    Mais:

    Irã: os EUA só entendem a 'linguagem da força'
    Obama critica decisão de Trump sobre Irã
    Rússia está 'profundamente desapontada' com saída dos EUA do acordo nuclear iraniano
    Tags:
    acordo nuclear, programa nuclear, sanções, Donald Trump, Aiatolá Ali Khamenei, Hassan Rouhani, Irã, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik