04:27 12 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    371428
    Nos siga no

    O ministro da Defesa de Israel, Avigdor Lieberman, prometeu retaliar caso o Irã ataque Tel Aviv, comunicou o portal de notícias saudita Elaph.

    Lieberman está atualmente em visita oficial aos EUA para manter negociações com o secretário da Defesa James Mattis e o conselheiro de Segurança Nacional Michael Bolton.

    "Israel não quer guerra […] mas se o Irão atacar Tel Aviv, nós atacaremos Teerã", disse o ministro ao portal.

    A afirmação surge após anteriormente nesta quinta-feira (26) o líder supremo iraniano, aiatolá Ali Khamenei, ter apelado aos países muçulmanos para se unirem contra os Estados Unidos e seus inimigos comuns.

    Ao mesmo tempo, o primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, afirmou nesta semana que o Corpo de Guardiões da Revolução Islâmica iraniano estaria criando um exército para destruir Israel.

    As relações entre os dois países, que sempre foram tensas, agravaram-se no início do mês após dois caças israelenses atacarem a base T-4 na Síria, matando sete iranianos que trabalhavam no país.

    Irã é um dos poucos países que se recusam a reconhecer o Estado de Israel, sendo acusado de tentar desenvolver armas nucleares para um possível ataque contra esse país.

    Mais:

    Irã questiona qualificações do 'empreiteiro' Trump para discutir acordo nuclear
    Irã adverte Trump: caso acordo nuclear seja descumprido, consequências serão graves
    Recado de Teerã para Israel: 'Nossos dedos estão no gatilho' (FOTO)
    Tags:
    conflito regional, ameaças, retaliação, Corpo de Guardiões da Revolução Islâmica, Aiatolá Ali Khamenei, Avigdor Lieberman, Irã, Israel
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar