13:14 28 Fevereiro 2020
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    914
    Nos siga no

    Pelo menos 528 palestinos ficaram feridos após serem atacados pelo Exército israelense na fronteira de Gaza nesta sexta-feira (13), disse o porta-voz do Ministério da Saúde palestino, Ashraf Kedra, à Sputnik.

    "O número de feridos na fronteira com a Faixa de Gaza chegou a 528 pessoas, entre elas 14 médicos e dois jornalistas. Três dos feridos, incluindo os dois jornalistas, estão em estado grave", disse Kedra.

    Durante o dia, a assessoria de imprensa das Forças de Defesa de Israel (FDI) relatou que cerca de 10 mil palestinos participaram dos confrontos nesta sexta-feira (13) na fronteira de Gaza, lançando coquetel Molotov e fazendo repetidas tentativas a infraestrutura de segurança.

    Desde o dia 30 de março, dezenas de milhares de palestinos se reuniram ao longo da fronteira israelense em um protesto chamado Grande Marcha de Retorno. 

    Os palestinos estão exigindo o acesso a terras nativas que foram usadas para criar o estado de Israel. Espera-se que os protestos continuem até 15 de maio. Até agora, pelo menos 30 palestinos foram mortos e mais de 3 mil ficaram feridos enquanto as forças israelenses continuam a reprimir as manifestações.

    Mais:

    Representante do líder supremo: Irã pode destruir Israel
    Israel não permitirá que Irã avance em direção à sua fronteira, diz analista
    Irã promete permanecer em Damasco contra a 'agressão estrangeira' dos EUA e de Israel
    Irã atacará Israel ou mostrará moderação?
    Tags:
    exército israelense, conflito israel palestina, Forças de Defesa de Israel, Faixa de Gaza, Palestina, Israel
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar