05:47 20 Abril 2018
Ouvir Rádio
    President Donald Trump speaks before he signs a presidential memorandum imposing tariffs and investment restrictions on China in the Diplomatic Reception Room of the White House, Thursday, March 22, 2018, in Washington.

    Trump: 'Nunca disse quando aconteceria um ataque contra Síria'

    © AP Photo/ Evan Vucci
    Oriente Médio e África
    URL curta
    Trump ameaça atacar a Síria (34)
    28014

    O presidente dos EUA, Donald Trump declarou que o ataque contra Síria "poderia ser muito em breve, ou não tão em breve assim".

    O presidente dos EUA, Donald Trump, assegurou em sua página do Twitter, que nunca marcou a data certa para lançar uma ofensiva contra Síria como represália ao suposto ataque químico reportado na cidade de Douma.

    Eu nunca disse quando aconteceria um ataque contra a Síria. Poderia ser em breve, ou não tão em breve assim! De qualquer forma, os Estados Unidos sob minha administração fizeram um ótimo trabalho quanto à libertação da região do Daesh (organização terrorista proibida em vários países, incluindo na Rússia). Então, onde está o nosso "Obrigado, América?".  

    Previamente, Trump escreveu no Twitter que a Rússia deveria estar pronta para enfrentar novos e "inteligentes" mísseis disparados contra a Síria.

    Em resposta a questão se a recente advertência do presidente dos EUA dificulta o planejamento de uma resposta estadunidense ou representa ameaça para a segurança nacional, a Casa Branca se declarou: "Não, de modo algum", afirmou a secretária de imprensa da Casa Branca, Sarah Sanders.

    O presidente estadunidense culpou Damasco do suposto ataque químico de 7 de abril, apesar dos investigadores da Organização para a Proibição de Armas Químicas (OPAQ) ainda não terem começado a investigação oficial. Na terça-feira (10), a OPAQ prometeu enviar um grupo de especialistas próprios à cidade síria.

    Tema:
    Trump ameaça atacar a Síria (34)

    Mais:

    Submarinos, radares e aviões: Rússia se prepara para possível ataque estadunidense à Síria
    Navios russos teriam deixado a base síria de Tartus (FOTOS)
    Governo da Síria retoma controle de Ghouta Oriental
    Conselho de Segurança da ONU deve convocar reunião sobre ameaça dos EUA à Síria
    Submarinos britânicos carregados com mísseis são enviados à Síria para iniciar ataques
    Tags:
    resposta militar, ataque químico, Casa Branca, Donald Trump, Douma, Síria, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik