06:38 18 Outubro 2018
Ouvir Rádio
    Foto do presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, entre bandeiras do país, em Istambul, dois dias antes do referendo de 16 de abril de 2017

    Turquia promete responder a sanções estadunidenses 'de forma diferente da Rússia'

    © REUTERS / Alkis Konstantinidis
    Oriente Médio e África
    URL curta
    17464

    Ancara está disposta a responder a prováveis sanções por parte dos EUA, afirmou o chanceler do país, Mevlut Cavusoglu, a uma edição alemã.

    Respondendo a um correspondente do jornal Zeit sobre como a Turquia planeja reagir a possíveis sanções que estão sendo discutidas no Congresso dos EUA, Cavusoglu disse: "Caso eles queiram punir a Turquia com sanções, a Turquia vai reagir de modo diferente da Rússia e de outros países".

    "Iremos responder. Vocês não devem ameaçar-nos. Os EUA ameaçam muitos, falando algo do tipo: 'Não comprem o gás desse ou daquele país'. Não se pode fazer isso", adiantou.

    Antes disso, o comandante da OTAN na Europa, general norte-americano Curtis Scaparrotti, disse que os EUA esperam que a Turquia descarte a compra de mísseis russos S-400, advertindo Ancara sobre as "consequências" deste passo.

    Em dezembro do ano passado, representantes russos e turcos celebraram um acordo sobre a entrega de sistemas S-400 em Ancara. De acordo com o documento, a Turquia comprará duas baterias destes mísseis, que serão operados por pessoal turco. As partes acordaram, ademais, em desenvolver a cooperação técnica neste campo com o fim de aperfeiçoar a produção de complexos deste tipo na própria Turquia.

    Mais:

    EUA anunciam fechamento de embaixada na Turquia
    Moscou: EUA de fato instigaram Turquia a iniciar operação militar em Afrin
    Turquia: Resolução do Conselho de Segurança sobre Síria não se aplica à operação em Afrin
    Tags:
    sanções, S-400, OTAN, Rússia, EUA, Turquia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik