02:30 24 Outubro 2018
Ouvir Rádio
    Sistemas de mísseis russos S-400 na base aérea de Hmeymim, na Síria

    General norte-americano: Rússia impede dominação dos EUA no Oriente Médio

    © Sputnik / Dmitry Vinogradov
    Oriente Médio e África
    URL curta
    26459

    A Rússia impede a supremacia aérea dos EUA no Oriente Médio com seus sistemas de mísseis, declarou o general Joseph Votel, do Comando Central dos EUA, no seu relatório.

    No documento de 45 páginas, apresentado perante o Comitê da Câmara dos Representantes dos EUA para assuntos das forças armadas, Votel chama a Rússia, junto com o Irã e a China, de principal ameaça para os EUA. Moscou e Pequim, detalhou, podem minar as posições de liderança de Washington.

    "O aumento do número dos sistemas de mísseis russos na região ameaça a nossa capacidade de dominar no espaço aéreo", afirma-se no relato.

    Votel também mencionou a derrota quase total do Daesh (organização terrorista, proibida na Rússia) sem mencionar o papel da Rússia, que combateu os terroristas a pedido das autoridades sírias. Em vez disso, o general apresentou várias acusações em relação a Moscou, inclusive de que a Rússia supostamente está incentivando o conflito no país árabe.

    Para além disso, expressou sua insatisfação com a influência da Rússia na Ásia Central, que "deixa para os EUA menos possibilidades militares", o que, segundo o general, também pode afetar os canais de abastecimento da OTAN no Afeganistão.

    Mais:

    EUA tencionam desencadear nova guerra no Oriente Médio; por que Europa é contra?
    Qatar expandirá maior base dos EUA no Oriente Médio para torná-la permanente
    Opinião: 'Cooperação entre Rússia e EUA é essencial para estabilidade do Oriente Médio'
    Tags:
    espaço aéreo, OTAN, Daesh, Oriente Médio, EUA, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik