16:56 21 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    Tropas iranianas marham durante parada militar

    De que lado ficaria Rússia em uma eventual guerra iraniano-israelense?

    © AFP 2019 / BEHROUZ MEHRI
    Oriente Médio e África
    URL curta
    311744
    Nos siga no

    Se o Irã atacasse Israel, a Rússia ficaria ao lado deste último, afirmou o vice-embaixador russo em Tel Aviv, Leonid Frolov.

    Esta promessa, citada pela edição Times of Israel, foi feita dois dias após um incidente com um drone ocorrido na fronteira sírio-israelense.

    "No caso de uma agressão em relação a Israel, não só os EUA vão ficar ao lado de Tel Aviv, mas a Rússia também. Muitos compatriotas nossos moram aqui em Israel, em geral, Israel é um país amistoso, por isso não aceitaremos qualquer tipo de agressão contra ele", assegurou.

    O diplomata duvidou também que o drone que cruzou a fronteira de Israel vindo da Síria tenha sido lançado pelo Irã e propôs aos serviços secretos israelenses estabelecer contato com seus colegas sírios.

    Na noite de 9 para 10 de fevereiro os militares israelenses comunicaram sobre a intercepção de um veículo aéreo não tripulado que tinha penetrado no espaço aéreo do país a partir da Síria. Em seguida, a aviação israelense atacou "alvos iranianos" no território do país vizinho.

    Mais:

    Israel afirma que atingiu 18 alvos do Hamas
    Israel estima ter destruído cerca de metade da defesa antiaérea síria
    'Querem nos destruir', Israel afirma que se defenderá do Irã
    Tags:
    drone, conflito, guerra, Irã, Síria, Israel, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar