10:20 19 Fevereiro 2020
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    1259
    Nos siga no

    O chefe de Estado dos EUA sublinhou, durante a reunião com o primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, que sua decisão sobre Jerusalém "ajudou" na solução do conflito entre Palestina e Israel.

    Israel "pagará" pelo reconhecimento de Jerusalém como a capital desse país, declarou na quinta-feira o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, durante o encontro com o primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, durante o Fórum Econômico Mundial em Davos, de acordo com a versão do seu discurso publicado pelo site oficial da Casa Branca.

    Falando sobre as relações entre os dois Estados, Trump disse que a questão de Jerusalém era a mais difícil, entre as que estavam na mesa de negociação. Ele afirmou que a sua decisão abre caminhos para solucionar o conflito entre Palestina e Israel. 

    "E Israel pagará por isso", acrescentou o presidente americano. "Eles [os israelenses] querem estabelecer a paz e eu espero que os palestinos também a desejem", disse Trump, acrescentando que, neste caso, "todos finalmente serão felizes".

    "[Israel] levou esse ponto e depois devolverá esses pontos nas próximas negociações, se estas acontecerem", disse Trump durante a reunião.

    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar