20:30 17 Julho 2018
Ouvir Rádio
    Príncipe Miteb bin Abdullah em Paris, 2014

    Príncipe saudita confessa corrupção, paga US$ 1 bilhão e deixa prisão

    © REUTERS / Philippe Wojazer
    Oriente Médio e África
    URL curta
    804

    O príncipe Miteb bin Abdullah, que já foi considerado um candidato ao trono da Arábia Saudita, foi solto nesta terça-feira (28) após negociar um "acordo aceitável" e pagar US$ 1 bilhão, afirmou uma fonte saudita à agência Reuters.

    A fonte com acesso à investigação afirmou que Miteb confessou ter praticado corrupção e que outras três pessoas detidas também fecharam acordos com Riad.

    Detido há três semanas, Miteb era um dos presos de maior destaque após outro príncipe, Mohammed bin Salman, iniciar uma campanha de combate à corrupção que prendeu mais de 200 pessoas.

    Apesar da justificativa de lutar contra a corrupção, muitos analistas afirmam que na verdade Mohammed bin Salman buscou consolidar seu poder e seu lugar como sucessor do atual rei Salman bin Abdulaziz Al Saud.

    Mais:

    Arábia Saudita nos chama de inimigo para esconder suas derrotas, diz presidente do Irã
    'Putin é novo czar da energia mundial', ou por que Arábia Saudita agora depende de Moscou
    Lavrov: Rússia trabalha com Arábia Saudita para unificar oposição síria
    Príncipes detidos na Arábia Saudita são 'torturados por mercenários norte-americanos'?
    Chanceler saudita diz que mísseis balísticos iranianos podem atingir qualquer Estado árabe
    EUA irão reforçar defesa da Arábia Saudita devido à 'ameaça iraniana'
    'Rumores': premiê do Líbano nega que tenha sido detido na Arábia Saudita
    Israel está disposto a oferecer para Arábia Saudita dados da Inteligência sobre Irã
    Por que uma guerra entre Irã e Arábia Saudita pode empobrecer o mundo? (VÍDEO)
    Que riscos corre Rússia com possível venda de S-400 para Arábia Saudita?
    Bloqueio saudita a portos do Iêmen pode acabar com a comida do país em 100 dias
    Rússia e Arábia Saudita concordam em enviar sinais positivos ao mercado de petróleo
    Tags:
    Miteb bin Abdullah, Mohammed bin Salman, Salman bin Abdulaziz Al Saud, Arábia Saudita
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik