12:19 06 Dezembro 2019
Ouvir Rádio
    Bandeiras da Palestina

    Palestina suspende comunicações oficiais com EUA

    © flickr.com / Joi
    Oriente Médio e África
    URL curta
    292
    Nos siga no

    O presidente da Autoridade Nacional Palestiniana, Mahmoud Abbas, ordenou a todos os "responsáveis palestinos" para interromperem os contatos com o governo dos EUA.

    Ashraf Khatib, do comitê de apoio às negociações, confirmou à Sputnik essa decisão, que se segue ao fechamento da representação da Organização para a Libertação da Palestina (OLP) em Washington pelas autoridades norte-americanas. Com isso a administração de Trump tenciona pressionar os palestinos.

    "Corresponde à verdade. Decidimos suspender toda a comunicação oficial com os norte-americanos", confirmou Khatib.

    Khatib, comentando o fechamento da representação da OLP em Washington, manifestou suas esperanças que "esta decisão não dure muito tempo" e que os norte-americanos não demorem a retificar sua decisão.

    Por sua vez, Azzam Ahmed, membro do comitê central de Al Fatah, o partido de Abas, confirmou que o presidente palestino "deu instruções a todos os departamentos governamentais" no sentido que "qualquer reunião com funcionários norte-americanos seja proibida".

    Contudo, fontes palestinas insistem que esta decisão não significa o rompimento das relações diplomáticas entre a Palestina e os EUA.

    O fechamento do escritório da OLP em Washington é uma medida de pressão e punição sobre os palestinos por eles tentarem denunciar a ocupação militar israelense perante tribunais internacionais.

    Mais:

    Por fechamento de representação diplomática, Palestina ameaça romper laços com EUA
    Israel se prepara para a guerra na Palestina: 'Nossa resposta será dura'
    Tags:
    comunicações, fechamento, suspensão, Organização para a Libertação da Palestina, Palestina, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar