00:29 13 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    2110
    Nos siga no

    O presidente do Irã, Hassan Rouhani, anunciou a vitória sobre o grupo terrorista Daesh (proibido na Rússia) no Iraque e na Síria, em declarações ao canal de TV iraniano IRIB.

    "Agradeço a todos os militares do Islã, diplomatas do país, ao governo e ao povo […], às Forças Armadas, assim como à população do Irã, do Iraque, da Síria e do Líbano que puseram fim a um grupo que não trouxe nada além do mal, adversidades, mortes e barbaridade", disse ele, citado pelo canal

    Mais cedo, o general e comandante do Corpo de Guardiões da Revolução Islâmica, Qassem Soleimani também declarou a derrota dos terroristas no território sírio e iraquiano, felicitando o líder supremo iraniano, aiatolá Khamenei.

    "A direção sábia do aiatolá Ali Khamenei, a resistência dos governos do Iraque e da Síria levaram à derrota do Daesh", disse Soleimani, citado pelo canal Press TV.

    As Forças Armadas da Síria e do Iraque conseguiram expulsar o Daesh de seus bastiões principais em ambos os países. Nomeadamente, em 17 de novembro, o exército iraquiano libertou a cidade de Rawa, a última que permanecia nas mãos dos terroristas.

    O conflito armado na Síria continua desde março de 2011. Segundo os dados da ONU, desde então morreram mais de 220 mil pessoas. Desde setembro de 2015, a Rússia, a pedido de Damasco, está efetuando no país uma operação antiterrorista.

    O Irã está prestando à Síria consultoria militar e ajuda humanitária no combate ao terrorismo.

    Mais:

    Terroristas atacam embaixada da Rússia em Damasco, na Síria
    Washington estaria deixando de apoiar Exército Livre da Síria?
    Americanos e seus aliados batem recorde de mortes civis em operação na Síria
    Tags:
    combate ao terrorismo, vitória, Daesh, Aiatolá Ali Khamenei, Hassan Rouhani, Irã, Iraque, Síria, EUA, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar