06:19 15 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    Tropas iraquianas na cidade de Rawa, Iraque

    Militares iraquianos libertam última cidade ocupada pelo Daesh no país

    © AFP 2019 / Moadh Al-Dulaimi
    Oriente Médio e África
    URL curta
    420
    Nos siga no

    Na sexta-feira (17), o exército iraquiano conseguiu limpar Rawa, a última cidade que permanecia nas mãos do Deash (organização terrorista proibida em vários países, incluindo na Rússia), informa o governo do Iraque.

    No sábado (11), o exército iraquiano informou que unidades governamentais e milícias populares lançaram uma "operação em grande escala" para limpar dos terroristas o distrito de Al-Ruman e a cidade de Rawa.

    Mais um objetivo foi alcançado hoje — limpeza de Rawa dos terroristas.

    Os militares do país "libertaram completamente Rawa e levantaram a bandeira iraquiana sobre seus edifícios", declarou Abdul Ameer Rasheed Yarallah, tenente-general do comando unificado de operações conjuntas, citado pela agência Reuters.

    A cidade de Rawa está localizada perto da fronteira com Síria, na margem norte do rio Eufrates.

    No fim de outubro, o premiê iraquiano, Haider al-Abadi, anunciou o início de uma nova operação contra terroristas.

    A ofensiva para recuperação do controle das cidades iraquianas ocidentais — e fronteiriças com a Síria — de Rawa e al-Qaim das mãos do Daesh foi lançada em 26 de outubro.

    A cidade de Al-Qa'im foi libertada no início de novembro. Em seguida, as forças iraquianas comunicaram retomada de controle sobre postos de passagem na fronteira entre Iraque e Síria.

    Mais:

    Intervenção? Turquia vai continuar eliminando terroristas na Síria e no Iraque
    Fim da ofensiva contra Daesh: forças iraquianas entram na cidade entre Iraque e Síria
    Tillerson: tropas dos EUA vão ficar no Iraque até derrota do Daesh
    Como Washington abandonou curdos do Iraque e também perdeu
    Tags:
    combate ao terrorismo, ofensiva, operação, vitória, terroristas, libertação, tropas, Exército do Iraque, Daesh, Haider al-Abadi, Al-Qa'im, Iraque, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar