15:48 18 Janeiro 2018
Ouvir Rádio
    Militares americanos e rebeldes do Maghaweer al-Thawra, apoiado pelos EUA, em Al Tanf, no sul da Síria

    Irã: EUA querem impedir controle sírio na fronteira com Iraque mais do que derrotar Daesh

    © AP Photo/ Hammurabi's Justice News
    Oriente Médio e África
    URL curta
    13200

    As autoridades norte-americanas estão mais preocupadas em impedir o controle da fronteira com o Iraque pela Síria, do que com a destruição da organização terroristas Daesh, disse nesta quarta-feira o ministro das Relações Exteriores do Irã, Mohammad Javad Zarif.

    "Hoje tenho a impressão de que as prioridades mudaram. Para as autoridades dos EUA é mais importante impedir a tomada do controle da fronteira do Iraque pelo governo sírio, do que derrotar o Daesh", disse Zarif aos jornalistas.

    Ele destacou que o Irã busca uma solução pacífica para a crise na Síria e que defende interesses divergentes dos Estados Unidos. "Não estamos na Síria para apoiar ninguém, mas para combater o terrorismo", disse o chefe da diplomacia iraniana.

    O conflito armado na Síria teve início em março de 2011. A coalizão internacional, liderada pelos EUA, realiza operações contra o Daesh no país desde 2014, sem autorização do Conselho de Segurança da ONU, nem de Damasco.

    Mais:

    Mídia: Rússia dá xeque-mate nos EUA na questão síria
    Com e contra quem EUA lutam na Síria? Ministério da Defesa da Rússia espera explicação
    Analista: Ocidente se esconde atrás de mentira sobre Força Aeroespacial da Rússia na Síria
    Mídia: Coalizão dos EUA ataca aldeia na Síria deixando 9 mortos entre civis
    Tags:
    Daesh, Mohammad Javad Zarif, Irã, EUA, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik