20:55 27 Novembro 2020
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    1140
    Nos siga no

    Coalizão internacional liderada pelos EUA para combater contra o grupo terrorista Daesh (proibido na Rússia e muitos outros países) reconheceu a morte de 624 civis como resultado dos ataques contra terroristas no Iraque e na Síria desde agosto de 2014 até junho de 2017.

    Na declaração da coalizão à qual a Sputnik teve acesso, o estado-maior conjunto da operação contra o Daesh "supõe que, provavelmente, pelo menos 624 civis foram mortos sem premeditação como resultado dos ataques aéreos".

    Na declaração se lê que a estimativa da quantidade de vítimas foi feita em junho deste ano. Agora a coalizão continua examinando 424 relatos sobre a morte de civis.

    Mais:

    É possível uma coalizão entre Irã, Rússia e Coreia do Norte contra EUA?
    Batalha por Raqqa: coalizão realiza 14 ataques aéros contra Daesh
    Síria pressiona ONU por morte de civis em ataque da coalizão liderada pelos EUA
    Tags:
    civis, vítimas, ataque aéreo, coalizão internacional, Síria, Iraque
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar