10:15 02 Agosto 2021
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    14112
    Nos siga no

    A Força Aeroespacial russa eliminou na Síria mais de 3 mil militantes, inclusive 26 chefes dos terroristas, informou na quarta-feira (22) o ministro da Defesa russo Sergei Shoigu.

    Segundo ele, os aviões russos realizaram 1.760 missões em 2017. O ministro destacou o papel crucial que a força-tarefa desempenhou na luta contra os terroristas.

    A aviação realizou 5.682 ataques aéreos contra objetos de infraestrutura dos terroristas. Como resultado, 40 campos de treinamento, 475 postos de comando e 45 fábricas de munições foram destruídos e 3.119 militantes eliminados.

    "As Forças de Operações Especiais e Unidades Militares Especiais demonstraram sua elevada eficiência. Eles desempenharam um papel central na eliminação de terroristas e destruição crítica de alvos inimigos e na coordenação de ataques aéreos", declarou Shoigu discursando na Duma de Estado (câmara baixa do parlamento russo).

    A Síria vive desde março de 2011 um conflito armado em que as tropas governamentais enfrentam grupos armados da oposição e de organizações terroristas como o Daesh e a Frente al-Nusra (ambas proibidas na Rússia).

    Engenheiros militares do centro internacional de desminagem do Exército russo continuam a operação no leste de Aleppo, na Síria. Foto mostra um soldado russo junto a crianças sírias
    Ministério da Defesa da Federação da Rússia
    Engenheiros militares do centro internacional de desminagem do Exército russo continuam a operação no leste de Aleppo, na Síria. Foto mostra um soldado russo junto a crianças sírias

    Moscou tem realizado sua campanha de combate ao terrorismo na Síria desde 20 de setembro de 2015 a pedido do presidente sírio Bashar Assad.

    Em dezembro de 2016, o presidente russo Vladimir Putin anunciou que o governo sírio e os grupos da oposição armada alcançaram um acordo de cessar-fogo na Síria.

    Mais:

    Força Aeroespacial da Rússia vai testar novo míssil antibalístico
    Força Aeroespacial russa realizou mais de 19 mil missões e 71 mil ataques aéreos na Síria
    Base da Força Aeroespacial no sul da Rússia rearmada com novos caças MiG-29SMT
    Tags:
    Rússia, Síria, Ministério da Defesa (Rússia), Força Aeroespacial da Rússia, destruição, terroristas, aviões, ataques aéreos, alvos
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar