01:38 16 Dezembro 2018
Ouvir Rádio
    Preparación de un porro

    Israel a caminho da legalização da maconha para fins medicinais

    © AP Photo / Eduardo Verdugo
    Oriente Médio e África
    URL curta
    111

    Um comitê do governo israelense no domingo deu a luz verde inicial para um projeto de lei destinado a legalizar a exportação de maconha medicinal.

    Pesquisadores de maconha medicinal em universidades e hospitais de todo o mundo estão ansiosos para importar cannabis para fins de pesquisa e medicinais. O projeto visa regulamentar e permitir a exportação de cannabis em resposta à demanda global.

    Yoav Kisch, autor do projeto, acredita que a medida impulsionaria o setor agrícola de Israel.

    "A exportação de cannabis medicinal está impulsionando a economia e desenvolvendo o setor agrícola", disse ele, citado pelo Jerusalem Post. "Meu projeto de lei define pela primeira vez o que é o campo da cannabis medicinal e permite regular sua exportação".

    O legislador observou que os países que aprovaram a exportação de maconha medicinal, incluindo Canadá e Austrália, estão ganhando grandes lucros. Nos EUA, espera-se que o mercado chegue a US $ 50 bilhões na próxima década.

    A lei vai tramitar durante meses no congresso, mas, se aprovada, a nova regra garantiria um estimado de 1 bilhão de shekels (R$ 831 milhões) por ano. Israel é considerado internacionalmente um dos líderes mundiais em pesquisa de maconha medicinal. Apenas no mês passado, o Ministério da Agricultura do país anunciou que iria investir 8 milhões de shekels em projetos de pesquisa médica de cannabis.

    Feito a partir de substância da maconha, o canabidiol, por exemplo, pode ser usado para uma série de tratamentos como ansiedade, depressão, crises convulsivas e epilepsia. O uso do cigarro de maconha, por sua vez, tem demonstrado eficácia no alívio a sintomas do Mal de Parkison, por exemplo.

    O uso recreativo de maconha foi descriminalizado pelos israelenses no mês passado. Sua produção, porém, continua sendo crime.

    Mais:

    Califórnia, Massachusetts e Nevada legalizam maconha para uso recreativo
    Câmara dos Deputados da Argentina aprova lei de maconha medicinal
    Tags:
    Canabidiol, maconha, Ministério da Agricultura de Israel, Jerusalem Post, Yoav Kisch, Estados Unidos, Austrália, Canadá, Israel
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik