13:48 12 Dezembro 2019
Ouvir Rádio
    Anfiteatro na parte histórica de Palmira, Síria, 28 de março de 2016

    Daesh destrói parte do Teatro Romano em Palmira

    © Sputnik / Mikhail Voskresensky
    Oriente Médio e África
    URL curta
    10312
    Nos siga no

    Daesh destrói parte do Teatro Romano em Palmira e famoso Tetrápilo de Palmira.

    Os jihadistas do Daesh (grupo terrorista proibido na Rússia) destruíram parte do Teatro Romano da cidade síria de Palmira.

    De acordo com a mídia local, ontem (19) os extremistas realizaram execuções em massa neste local.

    ​A fachada do monumento histórico está completamente destruída, informa o canal estatal sírio. Contudo, por enquanto não se pode saber toda a escala dos danos.

    Os extremistas também demoliram o famoso Tetrápilo de Palmira.

    Em 18 de janeiro o exército sírio, apoiado pela Força Aeroespacial da Rússia, começou a operação contra Daesh em Palmira.

    Em 11 de dezembro de 2016, o Daesh atacou e recapturou Palmira, que tinha sido libertada dos terroristas pelo exército sírio com ajuda de aviões russos em março do ano passado. A antiga cidade tem sofrido o domínio do Daesh por oito meses. Entre 4 e 5 mil militantes, incluindo centenas de homens-bomba, participaram do ataque.

    Mais:

    Oposição síria pode se juntar às forças governamentais para combater Daesh
    Oposição turca: cooperação entre Rússia e Turquia na Síria é muito importante
    Presidente chinês promete aumentar ajuda à Síria
    Tags:
    monumentos históricos, patrimônio cultural, Daesh, Palmira, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar