06:20 14 Dezembro 2017
Ouvir Rádio
    Moradores fogem do bairro de al-Salihin, na zona leste de Aleppo, em 12 de dezembro de 2016

    Crônicas de Aleppo libertada: evacuação da zona leste continua, militantes entregam armas

    © AFP 2017/ GEORGE OURFALIAN
    Oriente Médio e África
    URL curta
    Crônicas de Aleppo libertada (64)
    23301

    Mais de sete mil civis foram evacuados da zona leste de Aleppo, informa na madrugada desta terça-feira (13) o Centro para a Reconciliação russo na Síria.

    "Nas últimas 24 horas, dos bairros de Aleppo que permanecem sob controle de militantes foram evacuadas, com o apoio do Centro para a Reconciliação, 7.796 pessoas, sendo 3.946 delas crianças", diz a mensagem divulgada pelo organismo.

    O Centro destaca que todos os evacuados são instalados em centros especiais humanitários com comida quente e pessoal médico.

    © Sputnik.
    Exército sírio libertou Aleppo

    Militantes

    Já os militantes que depuseram as armas durante o dia transcorrido são 375. O Centro para a Reconciliação garante que todos eles foram para os bairros da zona oeste.

    Desminagem

    Os bairros da zona leste de Aleppo, que foi por tempo prolongado palco de combates, precisam ser desminados. Nas 24 horas passadas, sapadores russos desminaram um território total de 16,3 hectares. Foram identificados 1.225 explosivos, 1.182 deles de fabricação caseira.

    © Sputnik.
    Drone mostra bairros de Aleppo libertados dos rebeldes armados

    Ajuda internacional

    Também nesta madrugada, a mídia eslovaca informou que o país irá enviar amanhã (quarta, dia 14) ajuda humanitária no valor de 127 mil euros (quase 451 mil reais) para os moradores de Aleppo.

    Na noite de ontem, fontes oficiais informaram sobre o restabelecimento de controle total sobre Aleppo pelas forças governamentais.

    Tema:
    Crônicas de Aleppo libertada (64)

    Mais:

    Ministério da Defesa russo: exército sírio controla 96% do território de Aleppo
    Vitórias do exército sírio em Aleppo auguram ataques terroristas em outras cidades?
    Forças do governo sírio controlam mais de 95% do território de Aleppo
    Tags:
    Centro para a Reconciliação na Síria russo, Aleppo, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik