00:20 18 Julho 2018
Ouvir Rádio
    Premiê russo, Dmitry Medvedev com Rabino da Rússia, Berel Lazar, perto do Muro das Lamentações, 10 de novembro de 2016

    Israelenses oferecem presente indevido ao premiê russo

    © Sputnik / Dmitry Astakhov
    Oriente Médio e África
    URL curta
    19285

    A Espanha soube pela mídia que os israelenses ofereceram um drone de fabricação espanhola ao premiê russo, Dmitry Medvedev, não tendo direito a fazê-lo, disse à RIA Novosti a chancelaria espanhola.

    Anteriormente se tornou público que o Ministério das Relações Exteriores espanhol se dirigiu à embaixada de Israel em Madri exigindo uma explicação pelo fato de que, durante sua visita a Israel, Medvedev teria recebido de presente um drone de produção espanhola. O presente foi oferecido pelo ministro da Agricultura de Israel, Uru Ariel, em 10 de novembro, quando o premiê russo visitou o Centro Volkani de investigação agrícola nos subúrbios de Tel Aviv.

    O drone Sniper é fabricado pela empresa espanhola Alpha Unmanned Systems SL. Israel comprou dois modelos iguais e o custo total foi de 100 mil euros. Os contratos de fornecimento foram negociados ao longo de dois anos. O Centro Volkani comprou estes drones sob condição de que este centro seria o usuário final destes drones e sendo sua entrega a partes terceiras proibida sem um pré-aviso à Espanha.

    "A Espanha soube pela mídia que o ministro da Agricultura israelense entregou à Federação da Rússia um drone de produção espanhola. Nós transmitimos uma nota verbal à embaixada de Israel em Madri exigindo explicações", disse um representante do Ministério do Exterior espanhol.

    Segundo as palavras do representante da chancelaria, a empresa espanhola vendeu este drone "com a licença da exportação correspondente, e que determina o Centro como recebedor final, a entrega a terceiros é completamente proibida".

    A mídia israelense foi a primeira a informar sobre o presente oferecido ao primeiro-ministro russo. Depois disso os EUA expressaram sua perplexidade, porque na construção do drone foram usadas peças americanas como, por exemplo, a câmera. Mas, de acordo com a edição Haaretz, antes de entregar o drone a câmera foi retirada. O Ministério da Defesa de Israel começou uma verificação para detectar se foram usados quaisquer outros componentes feitos nos EUA. No departamento militar israelense o caso causou confusão por isso ter sido feito sem permissão deles.

    Mais:

    Rússia envia aviões para ajudar a apagar incêndios em Israel (FOTOS)
    Rússia e Israel esperam liberar comércio nos próximos anos
    Israel combaterá terrorismo ao lado da Rússia
    Rússia busca intermediar negociação histórica entre Israel e Palestina
    Tags:
    presente, drone, Dmitry Medvedev, Israel, Espanha, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik