11:22 15 Junho 2021
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    Irã acolhe aviação russa que combate terrorismo (17)
    9285
    Nos siga no

    O presidente do parlamento do Irã, Ali Larijani, declarou que o país não permitiu utilização de base alguma pelos militares russos, revela agência iraniana Tasnim.

    Numa sessão parlamentar desta quarta-feira (17) Hishmatulla Falahatpishe, membro da Comissão de Segurança Nacional e Política Externa do Parlamento iraniano, declarou que permanência das forças russas na base aérea de Hamadã viola as leis iranianas. A constituição do país proíbe criação de bases militares estrangeiras no seu território.

    Porém, segundo Larijani, "nenhuma base foi providenciada às Forças Armadas da Rússia". Ao mesmo tempo o presidente do parlamento ressaltou que o Irã está cooperando com a Rússia quanto a assuntos regionais, inclusive no que diz respeito à questão síria.

    De acordo com o secretário do Conselho Supremo de Segurança Nacional do Irã, Ali Shamkhani, o Irã teria oferecido à Rússia infraestrutura e espaço aéreo a fim de combater terrorismo na Síria.

    O presidente da comissão acima mencionada Alaeddin Boroujerdi, citado pela mesma agência, ressaltou que a Rússia está usando a base aérea somente para reabastecimento.

    "Aquilo que está acontecendo na base aérea de Hamadã são voos dos aviões russos realizados de acordo com a ordem do Conselho Supremo de Segurança Nacional do Irã e no âmbito da cooperação quadrilateral entre o Irã, Rússia, Síria e Iraque", informa a agência Tasnim, citando as palavras de Boroujerdi.

    Os bombardeiros russos Tu-22M3 e Su-34 foram deslocados para a base iraniana de Hamadã. As Forças Aeroespaciais da Rússia já realizaram duas missões a partir do aeródromo de Hamadã, alvejando posições do grupo terrorista Daesh (proibido na Rússia e em vários outros países) a partir da terça-feira (16).

    Desde o início do conflito sírio, o Irã tem apoiado o governo do presidente Bashar Assad. Anteriormente, o país abriu seu espaço aéreo para que a Rússia pudesse atacar objetos de terroristas na Síria com mísseis de cruzeiro.

    Tema:
    Irã acolhe aviação russa que combate terrorismo (17)

    Mais:

    Força Aérea da Rússia 'minimiza riscos' militares usando base aérea do Irã
    Fornecimento de S-300: Irã está satisfeito, a região está segura
    Tags:
    mísseis de cruzeiro, espaço aéreo, forças armadas, base aérea, Tu-22M3, Su-34, Conselho Supremo de Segurança Nacional do Irã, Força Aeroespacial da Rússia, Daesh, Hamadã, Irã, Síria, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar