16:30 10 Abril 2020
Ouvir Rádio
    Análise
    URL curta
    7371
    Nos siga no

    As autoridades ucranianas demonstram irritação em relação à Ponte da Crimeia, alegando supostos problemas causados pela infraestrutura.

    Boris Babin, representante permanente do presidente ucraniano na Crimeia, disse ao jornal Obozrevatel que a ponte "tem efeito muito negativo para o transporte marítimo comercial", sem detalhar as causas desses prováveis problemas. Além disso, o diplomata prometeu "consequências irreversíveis" para a ponte que, segundo ele, podem levar a incidente com navios mercantes que passam pelo estreito de Kerch.

    O cientista político Vladimir Shapovalov observou em entrevista ao serviço russo da Rádio Sputnik que qualquer questão relacionada à Ponte da Crimeia é considerada desagradável para Kiev.

    "A Ponte da Crimeia é um assunto extremamente desagradável para a Ucrânia por demonstrar o nível tecnológico da Rússia, que atualmente a Ucrânia não consegue nivelar. Esse é o triunfo da Rússia […] A ponte é uma realidade, sendo ela a maior infraestrutura deste tipo na Europa e uma das maiores no mundo. E demonstra visivelmente que o nosso país dispõe de poderosos recursos intelectual, técnico e organizacional", comentou o especialista.

    Ele também presume quais "notícias" esperar de Kiev sobre a ponte e disse que a Ponte da Crimeia estará sujeita a ataques de informação por muito tempo por parte da Ucrânia.

    "Nessa situação, o fato de a ponte já estar construída representa um grande problema para a Ucrânia. Por isso, os meios de comunicação ucranianos continuarão promovendo campanha contra a Rússia em relação à Ponte da Crimeia", concluiu.

    Na terça-feira (15), o presidente russo Vladimir Putin abriu as estradas para automóveis da Ponte da Crimeia, que liga a península da Crimeia à região russa de Krasnodar. Trata-se da ponte mais extensa da Rússia, tendo 19 quilômetros de comprimento. A inauguração estava marcada para dezembro de 2018, mas os construtores concluíram os trabalhos com antecedência.

    As opiniões expressas nesta matéria podem não necessariamente coincidir com as da redação da Sputnik

    Mais:

    Kiev justifica por que Ponte da Crimeia 'pertence' à Ucrânia
    Infraestrutura inimiga: deputado ucraniano ameaça destruir Ponte da Crimeia
    Ponte da Crimeia surge no Google Maps com atraso
    Tags:
    tecnologia, infraestrutura, mídia, ameaça, problema, ponte, Crimeia, Kiev, Ucrânia, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar