06:30 17 Agosto 2018
Ouvir Rádio
    Wang Qishan, novo vice presidente da China, em uma durante o 19º Congresso do Partido Comunista chinês, em 2017.

    Parlamento chinês nomeia ex-chefe anticorrupção como vice-presidente

    © AP Photo / Mark Schiefelbein
    Notícias
    URL curta
    0 31

    O Congresso Nacional do Povo (NPC) da China, parlamento do país asiático, nomeou o ex-chefe do comissão anticorrupção chinês, Wang Qishan, como vice-presidente do país.

    O aliado de 69 anos do presidente Xi Jinping, apelidado de "czar anticorrupção" da China, liderou a poderosa Comissão Central de Inspeção Disciplinar por 5 anos até outubro passado.

    Xi Jinping, presidente da China
    © AP Photo / Markus Schreiber
    Ele foi nomeado o número dois no poder da China por votação secreta na quinta sessão plenária desta convocação da legislatura chinesa, que também reelegeu Xi como presidente.

    Wang Qishan já era apontado por analistas do mundo todo como possível vice-presidente de Xi, e era considerado o braço direito do atual presidente, que ganha cada vez mais importância e relevância na história chinesa. Uma de suas principais bandeiras políticas tem sido a do combate à corrupção dentro do partido, o que torna a escolha de Wang ainda mais adequada.

    No início deste mês, o parlamento votou para abolir os limites do mandato para o presidente e seu deputado, permitindo que o par mantenha o poder indefinidamente. Até este ano, eles não podiam atender mais de dois períodos consecutivos.

    Tags:
    Eleições na China, Partido Comunista Chinês, Xi Jinping, China
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik