23:32 16 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Bulgaria’s President-elect Rumen Radev

    Presidente da Bulgária diz que apoiaria o fim das sanções à Rússia

    © REUTERS / Marko Djurica
    Notícias
    URL curta
    3120
    Nos siga no

    O presidente da Bulgária, Rumen Radev, disse em entrevista com um canal de televisão local nesta sexta-feira (9) que não poderia dar o primeiro passo para acabar com as sanções econômicas contra a Rússia, mas apoiaria essa iniciativa.

    "Eu irei com certeza apoiar ações para que essas sanções sejam canceladas, mas — para deixar claro — um presidente não pode iniciá-las unilateralmente", disse entrevista ao canal BTV.

    Radev afirmou que os mecanismos da União Europeia permitem que qualquer país peça o fim das sanções e sugeriu que isso aconteceria quando as restrições bilaterais fossem consideradas prejudiciais por todas as partes envolvidas.

    A União Europeia impôs sanções econômicas à Rússia em 2014 após uma suposta interferência de Moscou no conflito da Ucrânia. A Rússia negou qualquer envolvimento e impôs restrições às importações do bloco europeu. Tanto as sanções da União Europeia como as medidas russas foram prolongadas várias vezes.

    Mais:

    EUA: regime de sanções é o 'melhor instrumento' de pressão contra Rússia
    Senado dos EUA pretende aumentar sanções contra Rússia e transformá-las em lei
    Mídia: EUA querem introduzir novas sanções contra Venezuela
    Quem impediu Trump de levantar as sanções contra a Rússia?
    'Sanções contra Pyongyang são um passo fantasticamente ingênuo e hipócrita'
    Tags:
    União Europeia, Rumen Radev
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar