O deputado Jair Bolsonaro fala à imprensa sobre o requerimento que fez ao Conselho de Ética e Decoro Parlamentar pedindo sua convocação para prestar esclarecimentos sobre as declarações que fez em um programa de TV

Bolsonaro e o 'efeito mordaça': Paulo Guedes cancela mais 2 eventos da agenda

© Foto : Renato Araújo/Agência Brasil
Notícias
URL curta
588

O responsável pelo plano econômico do candidato Jair Bolsonaro (PSL), o economista Paulo Guedes, cancelou mais dois eventos da agenda nesta sexta-feira (21) após o partido determinar um "silêncio" dos principais assessores do presidenciável para evitar maior desgaste na campanha.

Cancelando a participação em cima da hora, Paulo Guedes estava agendado para apresentar o plano econômico de Bolsonaro em eventos na Câmara de Comércio Americana (Ancham), às 9h30, e na Expert XP, às 14h30. Na véspera, o economista já havia cancelado a participação de outro evento. 

​No início da semana, o Guedes participou de um evento organizado pela gestora independente GPS Investimentos e fez uma declaração polêmica sobre o plano de implementar um novo imposto aos moldes da Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF), gerando muitas críticas por parte dos candidatos adversários, que acusaram a campanha do PSL de prejudicar os mais pobres ao propôr o cancelamento da isenção do imposto para baixas rendas. Em seguida, Bolsonaro negou cogitar a volta da CPMF e descartou a proposta de criar novos impostos, causando um ruído e falta de coordenação na campanha eleitoral.  

Com isso, após o coordenador da campanha afirmar que Bolsonaro não foi consultado sobre o assunto, o PSL determinou uma "lei da mordaça" aos principais assessores do presidenciável para evitar novos desgastes da campanha.   

Mais:

Bolsonaro passa por procedimento cirúrgico para drenagem de líquido no abdômen
PF pede prorrogação da investigação sobre facada em Bolsonaro
Câmara registrou entrada de agressor de Bolsonaro no dia do ataque por engano
Tags:
CPMF, imposto de renda, eleições, Paulo Guedes, Jair Bolsonaro, Brasil
Padrões da comunidadeDiscussão
Comentar no FacebookComentar na Sputnik