08:45 28 Novembro 2020
Ouvir Rádio
    Mundo insólito
    URL curta
    0 30
    Nos siga no

    A organização ambiental Atlantic White Shark Conservancy (AWSC) compartilhou um vídeo mostrando um tubarão-branco de quase cinco metros ferido, explicando o que poderia ter provocado tais ferimentos.

    O animal marinho, que é monitorado pela organização de preservação, foi detectado pela primeira vez neste outubro. As filmagens exibem o predador gigantesco nadando em águas turvas.

    Na gravação, a câmera mostra o tubarão de vários ângulos passando calmamente sua jornada oceânica. No entanto, em um determinado momento é possível ver em que estado está a sua cauda. É possível ver que o predador tem várias lesões no corpo, mas o que choca mais é a sua cauda.

    Usando o software de rastreamento, a organização conseguiu determinar o que causou este ferimento. Segundo AWSC o tubarão colidiu com um barco.

    "A equipe examinou esta lesão particular em sua cauda, que resultou de uma colisão com um barco".

    A organização deu informações sobre o comportamento deste animal, que pode mudar se ele estiver gravemente ferido.

    "Mesmo com este tipo de ferimentos, o comportamento do tubarão era normal", explicaram.

    Mais:

    Cobra-rei de 4 metros dá trabalho e se recusa a ser capturada
    Pescador na Austrália perde isca e luta com crocodilo 'ladrão' para recuperá-la (VÍDEO)
    Homem decide nadar em lagoa e morre devorado por crocodilo no México (IMAGENS FORTES)
    Tags:
    vida marinha, ferimento, peixe, Oceano Atlântico, tubarão
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar