02:01 11 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Mundo insólito
    URL curta
    280
    Nos siga no

    Durante safari no Quênia, o britânico Kevin Rooney logrou fotografar uma impala lutando ferozmente contra uma mãe guepardo e seus quatro filhotes.

    Se é difícil para as presas fugirem de um predador, muito mais árdua é a tarefa de sobreviver ao ataque de cinco predadores ao mesmo tempo.

    Contudo, uma impala macho mostrou na reserva de safari Mara Naboisho Conservancy, no Quênia, que é possível se manter vivo após o ataque de cinco guepardos.

    Tudo começou quando uma mãe guepardo, conhecida localmente por Selenkei, espreitava a impala entre a baixa vegetação do campo africano.

    De repente, o animal se lançou contra a presa enfiando suas garras pontiagudas no animal, conforme publicou o tabloide Daily Mail.

    Por sua vez, a impala, não se dando por vencida, usou de toda sua força para sobreviver ao ataque, conforme é visto nas fotos abaixo:

    Impala sobrevive após sacudir de cima cinco guepardos no Quênia.

    Seguindo sua mãe, os quatro filhotes de guepardo se somaram ao ataque, dificultando ainda mais a tarefa da impala.

    Foram chutes, pulos, remexidas e contorcidas diversas que livraram o animal dos seus predadores.

    "Logo após pegar a impala, que era um macho grande, ela [a fêmea de guepardo] tentou derrubá-la ao chão sem sucesso [...] Fantasticamente, após poucos segundos, a impala conseguiu sacudir os cinco predadores e fugiu, deixando eles na poeira", afirmou o britânico Kevin Rooney à mídia, após assistir de perto a ação.

    Saltos de 10 metros

    É sabido que as impalas conseguem saltar até uma distância de 10 metros, podendo seus pulos atingir até 3 m de altura.

    Tais façanhas ajudam o animal a fugir de seus predadores durante os ataques.

    Mais:

    VÍDEO mostra momento dramático em que elefante irritado persegue carro de safári
    Leão assusta turistas em safári na Índia (VÍDEO)
    Tigre persegue veículo de safári cheio de turistas assustados na Índia
    Tags:
    Quênia, sobrevivência, guepardo, ataque
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar