06:10 23 Maio 2018
Ouvir Rádio
    Bombardeiro estratégico B-52 da Força Aérea dos EUA

    Raio faz buraco do tamanho de uma pessoa em bombardeiro B-52

    © Boeing
    Mundo insólito
    URL curta
    893

    Os mecânicos da Força Aérea dos EUA na Base Aérea de Berksdale, Louisiana, tiveram que substituir a cauda de um bombardeiro B-52 atingido por um raio, informa o portal The Aviationist.

    O incidente aconteceu em 19 de dezembro, mas a informação sobre o ocorrido só foi divulgada recentemente. De acordo com o jornal, o impacto sucedeu durante a manobra de pouso do avião. A tripulação notou o buraco na cauda equivalente à altura de uma pessoa somente depois de o bombardeiro ter pousado.

    O impacto foi tão forte que o para-raios e os sistemas antichoque foram inúteis.

    "Tivemos que realizar a substituição completa da cauda, e este foi o meu primeiro caso deste tipo em 15 anos de trabalho com essas aeronaves", cita o jornal as palavras do sargento Eric Allison da Força Aérea dos EUA, mecânico do B-52.

    Assim, os especialistas instalaram no bombardeiro a cauda de uma outra aeronave desativada.

    ​O bombardeiro estratégico de segunda geração B-52 Stratofortress está em serviço da Força Aérea dos EUA desde 1955 e continua sendo a principal aeronave da aviação de longo alcance. De acordo com os planos do Pentágono, a aeronave será substituída pelo bombardeiro B-21 Raider, que deverá ser entregue em meados de 2020.

    Tags:
    raio, B-52, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik