16:09 12 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Mundo insólito
    URL curta
    128
    Nos siga no

    Após ser picado por uma naja de estimação, um adolescente da Indonésia pediu ajuda aos amigos nas redes, mas morreu antes dos médicos o ajudarem, escreve o jornal britânico Daily Mail.

    O menino de 14 anos chamado Aril tinha mais de dez najas como animais de estimação. No dia da sua morte, ele mandou no WhatsApp uma foto da naja em uma pose ameaçadora.

    Minutos mais tarde, ele postou uma nova imagem, desta vez com a marca da picada em seu braço.

    "Entre a vida e a morte", diz a legenda da foto. Segundo a mãe do adolescente, ele não estava se gabando, mas pedindo ajuda aos amigos.

    Mais tarde o menino escreveu o seguinte: "Se alguém se considera meu amigo, por favor, leve-me ao hospital". Os amigos de Aril responderam à mensagem apenas uma hora depois. Todas as tentativas dos médicos de salvar a vida do adolescente fracassaram.

    No dia da tragédia, a mãe do menino estava no trabalho e não sabia nada sobre o acontecido, enquanto o pai estava no exterior, segundo o Daily Mail.

    Mais:

    Marinheiro tailandês é confundido com fantasma por ter sido 'cremado'
    Jovem que matou namorado gravando vídeo para YouTube é condenada a 6 meses de prisão
    Tags:
    morte, picada, naja, serpentes, cobras, Indonésia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar