09:21 14 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    A artista suíça Milo Moiré

    Partes íntimas levam artista suíça à prisão - VÍDEO

    © AP Photo / Dorothee Thiesing
    Mundo insólito
    URL curta
    553
    Nos siga no

    A artista suíça Milo Moiré foi presa em Trafalgar Square, em Londres, por causa de uma performance provocativa: ela oferecia aos transeuntes a possibilidade de tocar seus genitais ou seios. Moiré teve que passar uma noite na delegacia, de acordo com o The Daily Mirror.

    A artista conseguiu mostrar sua ação em Dusseldorf e Amsterdã. Ela apareceu em público em uma caixa espelhada que tapava ou seu peito ou as ancas dela. Com a ajuda de um megafone Moiré atraía uma multidão de basbaques — alguns deles enfiaram as mãos em um buraco na caixa e tocaram o corpo da artista.

    Havia uma só restrição — apenas aos adultos foi permitido participar da ação. Aqueles que desejavam tocar os genitais de Moiré tinham para isso 30 segundos.

    A artista declarou que tem chamado a atenção do público para as questões de violência sexual. Ela observou que as mulheres assistem a performance com grande interesse. "Há sexualidade masculina e feminina. As próprias mulheres devem decidir quando e quem pode tocá-las", explicou Moiré.

    Mais:

    Polícia do Rio indicia sete pessoas por estupro coletivo de jovem
    Vítima de estupro realizado por militar dos EUA no Japão conta sua trajetória
    Turco condenado a 108 anos de prisão por estupro de crianças refugiadas
    Tags:
    estupro, direitos das mulheres, provocação, performance, Grã-Bretanha, Suíça
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar