14:10 16 Novembro 2018
Ouvir Rádio
    Suspeitos, membros do Movimento Gulen, foram levados para Istambul em voo privado

    Inteligência turca captura opositores no Azerbaijão e na Ucrânia

    © AFP 2018 / OZAN KOSE / AFP
    Mundo
    URL curta
    122

    Agentes da Organização Nacional de Inteligência da Turquia transferiram para Istambul nesta quinta-feira, 12, dois membros do Movimento Gulen capturados na Ucrânia e no Azerbaijão, conforme relatou a mídia local.

    De acordo com a agência Anadolu, os detidos foram identificados como Isa Ozdemir e Salih ZekiYigit, ambos de nacionalidade turca. Eles foram levados à Turquia em um avião privado. Nenhum outro detalhe da operação foi revelado.

    Presidente turco Reccep Tayyip Erdogan
    © REUTERS / Murat Cetinmuhurdar/Presidential Palace

    O Movimento Gulen, inspirado nas ideias do clérigo islâmico Fethullah Gulen, é acusado por Ancara de estar por trás do golpe de Estado frustrado que abalou a Turquia em julho de 2016, envolvendo parte significativa das Forças Armadas. Na sequência desse episódio, o governo do presidente Recep Tayyip Erdogan se fortaleceu e colocou atrás das grades milhares de ativistas, jornalistas, educadores, militares e representantes de diversos setores da sociedade civil suspeitos de terem apoiado a tentativa de golpe.

    Mais:

    Polícia turca detém supostos membros do Daesh às vésperas das eleições
    Erdogan indica quando estará pronta base turca na Antártida
    Oposição turca ganha força antes da eleição de junho
    Polícia turca prende dezenas durante manifestação em Istambul
    Cantora turca é condenada a 10 meses de prisão por insultar Erdogan
    Tags:
    Movimento Gulen, FETO, Anadolu, Fethullah Gulen, Recep Tayyip Erdogan, Istambul, Ucrânia, Azerbaijão, Turquia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik