03:05 28 Novembro 2020
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    220
    Nos siga no

    O presidente norte-americano aprovou a publicação do memorando sobre abusos do FBI durante a investigação sobre a alegada "interferência russa" na eleição presidencial nos EUA.

    O presidente dos EUA, Donald Trump, autorizou a publicação do memorando controverso sobre supostos abusos praticados pelos serviços de inteligência norte-americanos em relação à sua campanha presidencial e da sua presidência, informou Associated Press.

    "Muitas pessoas devem se envergonhar", disse o presidente dos EUA, depois de aprovar o lançamento do memorando.

    O documento será agora enviado ao Congresso e, no caso do órgão aprovar a sua divulgação, o memorando polêmico será publicado.

    Na segunda-feira, o Comitê de Inteligência da Câmara dos Deputados dos EUA votou a favor da divulgação deste memorando que, de acordo com os republicanos, demonstra uma atitude agressiva em relação ao presidente Trump pelo FBI e pelo Departamento de Justiça dos EUA.

    O documento de quatro páginas baseia-se em informações secretas sobre os métodos de vigilância do FBI, que, segundo os republicanos que tiveram acesso ao memorando, foram usados ​​ilegalmente por serviços secretos para minar a campanha e, depois, a presidência de Trump.

    Por outro lado, os democratas se opuseram à publicação do memorando, argumentando que se trata de uma tentativa de desacreditar a investigação conduzida pelo FBI sobre possível interferência russa nas eleições dos EUA.

    Mais:

    Frequente alvo dos ataques de Trump, vice-diretor do FBI renuncia ao cargo
    FBI e Departamento de Justiça não conseguem verificar o 'Dossiê de Trump'
    Deputado dos EUA: FBI deve entregar ao Congresso documentos do dossiê Trump imediatamente
    FBI e CIA dando aquela empurradinha na vida política de Trump
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar