11:38 20 Novembro 2017
Ouvir Rádio
    Milhares de manifestantes caminham atrás de uma bandeira em que se lê Votar para decidir Democracia, Catalunha, estamos com você, durante uma marcha organizada pela organização de independência pro-basca.

    Catalunha acusa governo espanhol de aplicar 'golpe de Estado'

    © REUTERS/ Vincent West
    Mundo
    URL curta
    Referendo independentista na Catalunha (66)
    591054

    A presidente do Parlamento da Catalunha, Carme Forcadell, classificou de "golpe de Estado" a aplicação do artigo 155 da Constituição da Catalunha, anunciada pelo presidente espanhol, Mariano Rajoy.

    "O presidente Rajoy cruzou todos os limites, anunciou um golpe de fato", disse a presidente do parlamento catalão. 

    A declaração da Catalunha vem após o governo espanhol ter decidido neste sábado (21) destituir o presidente catalão, Carles Puidgmemont, e o seu governo em resposta às manifestações pela independência da Catalunha. Esta medida faz parte da aplicação do 155º artigo da Constituição, que suspende o regime de autonomia da Catalunha. 

    O primeiro-ministro espanhol, Mariano Rojoy, decidiu dissolver o parlamento e antecipar as eleições da Catalunha, agravando a crise na região. 

    No dia 1º de outubro, na Catalunha foi realizado um referendo sobre a independência da região, no qual, de acordo com autoridades locais, mais de 90% votaram a favor da separação da Espanha. A Corte Institucional da Espanha qualificou a votação como ilegal por não condizer com a Constituição do país.

    Tema:
    Referendo independentista na Catalunha (66)

    Mais:

    Analista político: 'Constituição da Espanha se sobrepõe a autonomia da Catalunha'
    Espanha aplica artigo 155º da Constituição, anulando independência da Catalunha
    Líderes da Catalunha são detidos por separação
    Tags:
    independência, golpe de Estado, referendo, Mariano Rajoy, Catalunha, Espanha
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik