11:37 26 Setembro 2017
Ouvir Rádio
    Polícia dispersa multidão em protesto contra a eleição de Donald Trump como presidente dos EUA. Portland, Oregon, 12 de novembro de 2016.

    Confronto entre manifestantes anti-Trump e polícia toma as ruas de Phoenix (VÍDEO)

    © REUTERS/ William Gagan
    Mundo
    URL curta
    326920

    Centenas de pessoas tomaram as ruas de Phoenix, Arizona, para protestar contra o presidente dos EUA, Donald Trump, após seu discurso em um comício para seus apoiadores na cidade.

    A polícia jogou gás e bombas de fumaça para para dispersar a multidão em Phoenix, Arizona, durante os protestos contra o presidente Donald Trump.

    ​De acordo com relatos de testemunhas, citadas pela agência Reuters, alguns manifestantes jogaram garrafas e objetos contra a polícia.

    ​Durante seu discurso, Trump se manifestou contra a derrubada de monumentos confederados após as manifestações racistas de Charlottesville. Sua fala mais uma vez foi acusada de se expressar de forma branda em relação aos protestos de supremacistas brancos, considerando que "ambos os lados" tiveram culpa na violência em Charlottesville.  

    Mais:

    'Logo eu?': Trump diz que mídia é irresponsável ao acusá-lo de apoiar extrema-direita
    Maduro diz que tem medidas preparadas para defender Venezuela do bloqueio de Trump
    Força Aérea dos EUA pode intensificar operações no Afeganistão após decisão de Trump
    Tags:
    bombas de gás, protesto, polícia, Donald Trump, Arizona, Phoenix, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik