14:39 13 Dezembro 2017
Ouvir Rádio
    A ponte Zolotoy na cidade de Vladivostok, Rússia

    Rússia atrai cada vez mais pessoas interessadas em estabelecer cooperação nos negócios

    © Sputnik/ Ramil Sitdikov
    Mundo
    URL curta
    370

    Entre 6 e 7 de setembro, terá lugar a 3ª edição do Fórum Econômico do Oriente na cidade russa de Vladivostok. O número cada vez maior de representantes estrangeiros no fórum significa que a Rússia é um centro importante e afluente de homens de negócios de todo o mundo, afirmou o conselheiro do presidente russo, Anton Kobyakov.

    O fórum é uma plataforma global, onde altos funcionários, representantes de respeitadas organizações mundiais e empresas podem discutir o problema da integração do Extremo Oriente russo na economia global, segundo o conselheiro

    O fórum contará com a participação do presidente russo, Vladimir Putin, que tradicionalmente participa do principal evento no âmbito do fórum.

    Entre os principais temas da nova edição do fórum econômico estarão perspectivas do desenvolvimento do Extremo Oriente, perspectivas de investimento na região, política demográfica e social, assim como integração da Rússia na economia dos países asiáticos.

    Nomeadamente, será abordada a questão de cooperação com os Estados do Círculo do Pacífico nas áreas de energia, transporte, exploração, finanças e novas tecnologias. Durante o evento estão previstos encontros da Rússia com a China, Índia, Coreia do Sul, Japão e a Associação das Nações do Sudeste Asiático.

    Além disso, pela primeira vez, um dia do fórum será dedicado à educação e juventude, onde os visitantes poderão assistir a conferências e workshops para jovens homens e mulheres de negócio.

    O Fórum Econômico do Oriente é uma iniciativa que foi proposta pelo presidente russo, Vladimir Putin, no início de 2015 para estimular o desenvolvimento acelerado da economia do Extremo Oriente e alargar a cooperação internacional na região da Ásia-Pacífico.

    Mais:

    Quem tem algo a ganhar com uma guerra entre China e Índia na Ásia?
    Trump: novas sanções dos EUA irão aproximar China, Rússia e Coreia do Norte
    Tags:
    negócios, cooperação econômica, Fórum Econômico do Oriente, Associação de Nações do Sudeste Asiático (ASEAN), Coreia do Sul, Índia, China, Vladivostok, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik