22:15 16 Junho 2019
Ouvir Rádio
    Foto do presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, entre bandeiras do país, em Istambul, dois dias antes do referendo de 16 de abril de 2017

    Erdogan: Turquia não permitirá a criação de um Estado curdo

    © REUTERS / Alkis Konstantinidis
    Mundo
    URL curta
    960

    A Turquia não vai permitir a criação de um Estado curdo no sul do país, declarou aos jornalistas o presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, durante uma coletiva de imprensa em Hamburgo, onde ele participou da cúpula do G20.

    "Se existirem planos de criar um Estado curdo no sul da Turquia, nós não permitiremos isso", disse Erdogan, acrescentando que o seu país também não aceita ameaças de terceiros. 

    Mais cedo, o Curdistão iraquiano anunciou a realização de um referendo para escolher a independência. Os curdos sírios, por outro lado, anunciaram a criação de uma Região Federativa do Norte da Síria.

    Os curdos tem sido os mais organizados e ferozes combatentes contra o Daesh na região. Apesar de não contarem com apoio tácito da comunidade internacional, diversos países tem ajudado as tropas curdas financeiramente e com armas, inclusive os EUA. Esse apoio gerou diversos atritos com Ankara, que tenta impedir o fortalecimento dos curdos na região.

    Mais:

    Erdogan diz que curdos iraquianos vão se arrepender de referendo de independência
    Turquia ataca assentamentos curdos nos arredores de Afrin, na Síria
    Curdos planejam libertar o norte da Síria da 'invasão turca'
    Curdos vão ceder base aérea na Síria para EUA
    Tags:
    Recep Tayyip Erdogan, Curdistão sírio, Curdistão iraquiano, Turquia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar