02:13 20 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Fumaça liberada em ataque aéreo realizado pelas forças do governo sírio numa região da província de Daraa tomada por rebeldes, sul da Síria

    Síria diz que ataques da coalizão liderada pelos EUA fortalecem Daesh

    © AFP 2019 / MOHAMAD ABAZEED
    Mundo
    URL curta
    22140
    Nos siga no

    O Ministério das Relações Exteriores da Síria fez um apelo para que a coalizão internacional liderada pelos EUA ponha fim aos bombardeios aéreos contra as tropas governamentais sírias.

    "A Síria alerta a coalizão internacional ilegal liderada pelos EUA para o risco de escalada e suas repercussões, exigindo que a administração norte-americana e os países da coalizão deixem de lançar estes ataques horríveis que até agora não levaram a nada mais do que ao fortalecimento do Daesh", disse o comunicado da diplomacia síria.  

    A declaração da chancelaria síria aparece no contexto do mais recente ataque dos aviões da coalizão contra as forças governamentais sírias na região de Tanf, no sul do país, na última terça-feira (7). 

    Foi o segundo ataque dos EUA e seus aliados na zona de segurança em Tanf, onde a coalizão internacional realiza treinamento de rebeldes sírios.

    A Rússia informou na última terça-feira que exigirá uma sessão extraordinária no Conselho de Segurança da ONU para tratar do mais recente ataque contra Tanf. Moscou classificou o ato como uma "agressão". 

     

    Mais:

    Rússia: Novo ataque da coalizão dos EUA representa início de conflito aberto na Síria
    Coalizão liderada pelos EUA volta a atacar Exército sírio
    Coalizão liderada pelos EUA realizou 24 ataques aéreos contra Daesh em Raqqa
    Coalizão liderada pelos EUA confirma o início da ofensiva em Raqqa, na Síria
    Tags:
    atentado terrorista, ataque aéreo, tropas, bombardeio, coalizão internacional, Daesh, Estado Islâmico, Tanf, Síria, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar