13:36 18 Novembro 2017
Ouvir Rádio
    Retrato do presidente sírio Bashar Assad no Banco da Síria, em Damasco (arquivo)

    Trump e Erdogan concordam que Assad deve ser responsabilizado por ataque em Idlib

    © Sputnik/ Valeriy Melnikov
    Mundo
    URL curta
    151146310

    Os presidentes de Estados Unidos e Turquia, Donald Trump e Recep Tayyip Erdogan, concordaram em conversa telefônica nesta segunda-feira que o líder sírio, Bashar Assad, deve ser responsabilizado por um possível ataque com armas químicas na província de Idlib, segundo afirmou a Casa Branca.

    "O presidente Donald J. Trump falou hoje com o presidente Recep Tayyip Erdogan, da Turquia, para parabenizá-lo pela recente vitória em um referendo e discutir a ação dos Estados Unidos em resposta ao uso, pelo regime sírio, de armas químicas, em 4 de abril. O presidente Trump agradeceu o apoio do presidente Erdogan nessa ação dos EUA, e os dois líderes concordaram sobre a importância de responsabilizar o presidente sírio, Bashar Assad", diz o comunicado do governo norte-americano.

    De acordo com a Casa Branca, os dois chefes de Estado também discutiram esforços para combater militantes do grupo Daesh e também de outras organizações terroristas.

    Mais:

    Tayyip Erdogan: Turquia apoiará possível operação dos EUA na Síria
    Kim Jong-un condena ataque dos EUA contra Shayrat e expressa solidariedade a Assad
    Ex-general sírio acusa Assad de esconder centenas de toneladas de armas químicas
    Tags:
    armas químicas, Casa Branca, Daesh, Bashar Assad, Recep Tayyip Erdogan, Donald Trump, Idlib, Turquia, Síria, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik