17:39 22 Outubro 2018
Ouvir Rádio
    Donald Trump e Mike Pence durante a cerimônia

    Casa Branca nega que Trump planeje frear investigação sobre supostos ciberataques russos

    © REUTERS / Carlos Barria
    Mundo
    URL curta
    200

    O presidente dos EUA, Donald Trump, não deu sinais de que esteja disposto a frear a investigação em curso sobre os supostos ciberataques russos. A informação é do porta-voz da Casa Branca, Sean Spicer.

    "Trump não deu indicações de que interromperia nenhuma investigação", disse Spicer durante coletiva de imprensa nesta segunda-feira (23). 

    "Eu não ouvi nada dele sobre isso", acrescentou o porta-voz. 

    Spicer ainda disse que o presidente tampouco havia mantido reuniões específicas sobre este tema com autoridades das agências de inteligência.  

    Em outubro, os representantes oficiais das agências de inteligência dos EUA declararam que hackers russos estavam por trás dos ciberataques contra os sistemas eleitorais do país. Posteriormente, a CIA, através da imprensa, acusou a Rússia de invadir os servidores do Partido Democrata, com objetivo de ajudar a eleição de Donald Trump.

    Mais:

    Senado dos EUA inicia investigação sobre sobre supostos ciberataques da Rússia
    Administração Trump tomará medidas agressivas contra ciberataques
    Casa Branca sobre ciberataques: as provas contra a Rússia são confidenciais
    Trump põe inteligência dos EUA em xeque ao duvidar das acusações sobre ciberataques russos
    Tags:
    hackers, ataques cibernéticos, ciberataque, inteligência, Sean Spicer, Donald Trump, Rússia, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik