18:48 25 Setembro 2018
Ouvir Rádio
    Papa Francisco

    O que o Papa foi fazer no Cáucaso

    Mazur/ Catholic Church England and Wales
    Mundo
    URL curta
    123

    O Papa Francisco partiu nesta sexta-feira (30) para a Geórgia e o Azerbaijão, em viagem que as autoridades do Vaticano anunciaram como uma missão para promover a paz na região.

    "O santo padre estará trazendo uma mensagem de paz e reconciliação para toda a região do Cáucaso", disse seu porta-voz Greg Burke em briefing à imprensa. 

    O tema oficial da viagem papal, que acontece três meses depois de uma visita à Armênia, foi definido como "Pax vobis" (a paz esteja convosco).

    Francisco será recebido primeiramente pelo presidente Giorgi Margvelashvili e pelo atual líder da Igreja Ortodoxa da Geórgia, Patriarca Ilia II. 

    No domingo (2), o líder da Igreja Católica parte para o Azerbaijão, onde se reunirá com o presidente Ilham Aliyev, dentre outras autoridades locais.

    Armênia, Geórgia e Azerbaijão surgiram como novos Estados na região do Cáucaso após o fim da União Soviética. Além de passarem por graves dificuldades econômicas, as três repúblicas têm enfrentado uma série de conflitos territoriais.

    A Armênia e o Azerbaijão, por exemplo, disputam o controle sobre Karabakh, que juridicamente pertence ao território do Azerbaijão, mas que é reivindicado e ocupado pela Armênia. A Geórgia, por sua vez, teve movimentos separatistas na região da Abkházia, assim como na Ossétia do Sul. A independência de ambos os territórios foi reconhecida pela Rússia em 2008.

    Mais:

    Papa reza pelo Brasil ‘neste momento triste’ e cancela viagem ao país
    Papa Francisco envia carta à Dilma Rousseff
    Governo russo aprova acordo com Armênia para formar defesa aérea conjunta no Cáucaso
    Putin: conflito no Cáucaso podia ter resultado em ‘cenário iugoslavo’
    Cerca de 4.500 pessoas desapareceram em Nagorno-Karabakh, Armênia e Azerbaijão desde 1992
    Tags:
    conflitos, pax vobis, reconciliação, paz, missão, Igreja Ortodoxa, Igreja Católica, Giorgi Margvelashvili, Ilham Aliyev, Papa Francisco, Geórgia, Cáucaso, Azerbaijão, Armênia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik