18:29 15 Outubro 2018
Ouvir Rádio
    Temer defende reforma no Conselho de Segurança em discurso que inaugurou a 71ª Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas

    Temer defende reforma no Conselho de Segurança em discurso na ONU

    Beto Barata/PR
    Mundo
    URL curta
    0 32

    Em discurso que inaugurou hoje (20) a 71ª Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas, o presidente do Brasil, Michel Temer, aproveitou a oportunidade para reiterar a posição brasileira em defesa da reforma do Conselho de Segurança da ONU.

    “As Nações Unidas não podem resumir-se a um posto de observação e condenação dos flagelos mundiais. Devem afirmar-se como fonte de soluções efetivas. Os semeadores de conflitos reinventaram-se. As instituições multilaterais, não" – disse Temer ao abordar o tema da reforma do Conselho de Segurança.

    O presidente destacou que o Brasil vem alertando, há décadas, a necessidade de tornar mais representativas as estruturas de governança global, muitas delas envelhecidas e desconectadas da realidade.

    "Há que reformar o Conselho de Segurança da ONU. Continuaremos a colaborar para a superação do impasse em torno desse tema” – consluiu Temer.

    A abertura da sessão por um brasileiro é uma tradição iniciada em 1947 pelo diplomata Oswaldo Aranha, que na época chefiava a delegação brasileira na ONU. No discurso, Temer também abordou temas como o cenário econômico, o comércio internacional, a crise de refugiados, paz, segurança internacional e impeachment no Brasil.

    Mais:

    Michel Temer defende na ONU a constitucionalidade do impeachment
    Tags:
    reforma, ONU, Conselho de Segurança da ONU, Michel Temer, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik