20:41 16 Dezembro 2017
Ouvir Rádio
    Manifestantes em Ancara demonstram apoio ao governo em frente a um telão com o retrato do presidente Recep Tayyip Erdogan, Turquia, 17 de julho de 2016

    Erdogan é proibido de discursar na Alemanha

    © REUTERS/ Baz Ratner
    Mundo
    URL curta
    Tentativa de golpe militar na Turquia (109)
    0 26

    O Tribunal Constitucional Federal da Alemanha proibiu a transmissão do discurso do presidente turco durante o comício a ser realizado em Colônia, no domingo, em apoio do governo turco, após a recente tentativa de golpe militar .

    De acordo com a Deutsche Welle, o Tribunal Constitucional Federal da Alemanha confirmou a decisão Tribunal de Munster, declarando que a transmissão de discurso presidencial estrangeiro é contrário à legislação alemã.

    Até 30.000 pessoas são esperadas participar de manifestações contra os golpistas, enquanto os adversários de Erdogan possivelmente terão seu próprio comício, acrescenta a edição.

    Na noite de 15 de julho, um grupo de insurgentes turcos realizaram uma tentativa de golpe de Estado militar no país. Os principais confrontos aconteceram em Ancara e em Istambul. O governo da Turquia declarou que 190 civis morreram, assim como 100 militares revoltosos. Segundo dados oficiais, 1,5 mil pessoas ficaram feridas.

    Na noite de 20 de julho, o governo turco anunciou o estado de emergência para os três próximos meses.

    Tema:
    Tentativa de golpe militar na Turquia (109)

    Mais:

    Erdogan anuncia fechamento de escolas militares e nova Universidade de Defesa Nacional
    Erdogan acusa general chefe do Comando Central dos EUA de apoiar golpistas na Turquia
    Erdogan admite que pode haver um novo golpe
    Tags:
    transmissão, discurso, manifestação, Recep Tayyip Erdogan, Colônia, Turquia, Alemanha
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik