15:04 14 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    Olimpíada no Brasil sem atletas russos? (31)
    0 230
    Nos siga no

    Após tanto sofrer nas mãos de organizações esportivas para garantir sua vaga nos Jogos Rio 2016, a delegação oficial da equipe olímpica russa foi merecidamente recebida com muita festa no Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro.

    Dezenas de fãs russos e brasileiros compareceram ao Galeão munidos de muita alegria e cores da bandeira da Rússia para receber os atletas.

    ​“Vim até aqui especialmente para apoiá-los [os atletas russos], porque foi uma luta muito difícil [escândalo de doping]. Acompanhei o tempo todo o noticiário para saber se eles seriam ou não aceitos. (…) Se os nossos [russos] não tivessem vindo, eu nem iria assistir aos Jogos” – disse à Sputnik Mamedova Dzheren, professora que mora com o marido no Brasil há quatro anos.

    “Trata-se de uma ação política que sequer é velada. (…) Não precisa ser muito inteligente para ver que foi claramente um escárnio, uma pressão sobre os russos” — disse ela, respondendo à questão da Sputnik sobre o aspecto político do caso de doping da Rússia.

    “Não se pode pressionar os russos. (…) Quanto mais eles são pressionados, mais o povo [russo] fica unido” — concluiu a torcedora russa.

    O cônsul da Rússia, Vladimir Tokmakov, que compareceu ao Galeão para participar da festa de recepção da delegação russa, também trocou algumas palavras com a Sputnik.

    “Tentamos dar todo o apoio aos nossos atletas, que, com toda a certeza absoluta, vão mostrar os melhores resultados aqui na olimpíada.

    Ele destacou que, durante os Jogos, o Brasil deverá receber cerca de 10 mil turistas russos. No Rio, o consulado russo ficará de plantão para atendê-los em caso de quaisquer eventualidades.

    “A nossa posição de princípio é a de que somos contra o uso de doping. No entanto, somos contra a politização do esporte. Os jogos devem ser esportivos, e não políticos” – concluiu o cônsul ao expor a posição oficial do Consulado Geral da Rússia no Rio de Janeiro perante o escândalo de doping envolvendo a Rússia.

    • Torcedores fazem festa na chegada dos atletas da Rússia no Rio
      Torcedores fazem festa na chegada dos atletas da Rússia no Rio
      Sergei Monin / Sputnik Brasil
    • Torcedores fazem festa na chegada dos atletas da Rússia no Rio
      Torcedores fazem festa na chegada dos atletas da Rússia no Rio
      Sergei Monin / Sputnik Brasil
    • Torcedores fazem festa na chegada dos atletas da Rússia no Rio
      Torcedores fazem festa na chegada dos atletas da Rússia no Rio
      Sergei Monin / Sputnik Brasil
    • Torcedores fazem festa na chegada dos atletas da Rússia no Rio
      Torcedores fazem festa na chegada dos atletas da Rússia no Rio
      Sergei Monin / Sputnik Brasil
    • Torcedores fazem festa na chegada dos atletas da Rússia no Rio
      Torcedores fazem festa na chegada dos atletas da Rússia no Rio
      Sergei Monin / Sputnik Brasil
    1 / 5
    Sergei Monin / Sputnik Brasil
    Torcedores fazem festa na chegada dos atletas da Rússia no Rio

    A equipe russa chegou ao Brasil desfalcada por conta das punições internacionais após uma série de escândalos de doping. Sob forte pressão política, a Rússia corria o risco de perder o direito de participar da Rio 2016. O sinal verde veio somente do último dia 24, quando o Comitê Olímpico Internacional (COI) decidiu não afastar toda a delegação, deixando a cargo das federações de cada modalidade a decisão de permitir ou não a presença dos atletas russos nas Olimpíadas.

    Todos os atletas russos com histórico de doping foram proibidos de participar dos Jogos. Assim, as seleções russas de natação, pentatlo, canoagem e remo ficaram incompletas. A equipe nacional de atletismo, suspensa pela IAAF (Associação Internacional de Federações de Atletismo), também ficou de fora.

    Tema:
    Olimpíada no Brasil sem atletas russos? (31)
    Tags:
    festa, delegação, atletas russos, Aeroporto do Galeão, Rio de Janeiro
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar