09:41 22 Setembro 2018
Ouvir Rádio
    Militares num tanque na Turquia

    Erro fatal: Soldados pensavam que eram exercícios militares, não golpe

    © REUTERS / Baz Ratner
    Mundo
    URL curta
    Tentativa de golpe militar na Turquia (109)
    0 27

    Soldados detidos após a tentativa de golpe do Estado na Turquia comunicaram na inquirição que eles classificaram todos os acontecimentos como exercícios ordinários, comunica o jornal Hurriyet.

    Um grupo de militares, composto por 10 oficiais e 67 soldados sob comando de um coronel, foi detido no aeroporto de Ataturk. 

    Os suspeitos afirmam que eles pensavam estar participando de exercícios militares. 

    "Só no momento em que as pessoas começaram a se meter nos tanques nos apercebemos de tudo", cita o jornal Hurriyet um dos suspeitos. 

    Segundo os militares, o coronel que comandava as operações ordenou a retirada quanto a polícia se aproximou. 

    Durante a noite, os envolvidos no golpe atacaram uma série de instalações em Ancara, inclusive o prédio do Estado Maior, sedes da polícia, do Ministério do Interior e do Parlamento. O Parlamento também sofreu ataques aéreos, deixando um número ainda desconhecido de feridos.

    Algumas horas após o início da tentativa de golpe, a Organização Nacional de Inteligência da Turquia informou que a situação no país "voltou ao normal".

    Tema:
    Tentativa de golpe militar na Turquia (109)

    Mais:

    Primeiro-ministro: 'Situação na Turquia voltou à normalidade'
    Mídia revela nome do líder do golpe de Estado na Turquia
    Tags:
    polícia, suspeito, golpe, exercício militar, soldados, militares, Turquia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik