02:22 27 Setembro 2021
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    0 75
    Nos siga no

    Moradores de Seongju, Coreia do Sul, atiraram garrafas no primeiro-ministro Hwang Kyo-Ahn na sexta-feira (15) em protesto contra Seoul estacionar o sistema de defesa antimíssil norte-americano THAAD na cidade, informou a agência de notícias Yonhap.

    O THAAD (Terminal High Altitude Area Defense), é um sistema do Exército  dos Estados Unidos para derrubar mísseis balísticos de curto e médio alcance na sua fase terminal, por meio de um sistema de impacto direto.

    O premiê visitou a cidade a fim de mitigar as preocupações da população quanto à implantação dos sistemas. Os manifestantes, por sua vez, atiraram garrafas e ovos contra ele. 

    "Eu gostaria de pedir desculpas por tomar a decisão sem aviso prévio", disse Hwang, citado pela mídia. Os cidadãos são preocupados que os sistemas antimíssil possam prejudicar a saúde. O anúncio veio em 13 de julho.

    Na semana passada, os governos da Coreia do Sul e dos Estados Unidos anunciaram que concordaram em implantar o sistema THAAD com os militares norte-americanos estacionados na Coreia do Sul para combater a ameaça de mísseis da Coreia do Norte.

    Mais:

    Sistema de defesa antimíssil THAAD protegerá 2/3 do território da Coreia do Sul
    Coreia do Norte tratará EUA 'conforme as leis da guerra'
    Sistema de defesa antimíssil na Coreia do Sul não é direcionado contra China ou Rússia
    Tags:
    Coreia do Sul, THAAD, protesto
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar