19:07 25 Setembro 2017
Ouvir Rádio
    Soldado russo na ilha de Kotelny no Ártico russo

    OTAN pede 'cooperação' e não 'confronto' com a Rússia no Ártico

    © Foto: Ministério da Defesa da Rússia
    Mundo
    URL curta
    22434320

    A Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN) é a favor da cooperação, e não do confronto na região ártica, segundo afirmou nesta segunda-feira (11) o secretário geral da entidade, Jens Stoltenberg.

    "O Ártico é um ambiente hostil; ele recompensa a cooperação, não o confronto. Quaisquer disputas devem ser resolvidas com base no direito internacional", escreveu Stoltenberg no Twitter, comentando os planos da Rússia de construir e reconstruir bases aéreas na região polar.

    Na semana passada, o vice-ministro da Defesa russo Timur Ivanov anunciou que a construção das novas instalações de defesa no Ártico deverá ser concluída até o final de 2016.

    De acordo com Ivanov, a Rússia completou a construção de quatro bases militares no Ártico em 2015. 


    Mais:

    Rússia: Instalações militares no Ártico estarão prontas até o final ano
    Novo quebra-gelo nuclear permitirá à Rússia assegurar sua liderança no Ártico
    Rússia e Índia pretendem explorar Ártico em conjunto
    Opinião: Rússia é capaz de defender seu setor ártico da OTAN
    Rússia não se deixa intimidar pela presença dos EUA no Ártico
    Confira uma história curta das relações da Rússia e OTAN
    OTAN anunciou temas que Aliança pretende discutir com Rússia
    Tags:
    confronto, cooperação, defesa, bases aéreas, bases militares, presença militar, OTAN, Jens Stoltenberg, Ártico, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik