13:58 19 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    Aviões F-18E Super Hornets da Força Aérea dos EUA voando sobre o norte do Iraque, 23 de setembro 2014

    Força Aérea dos EUA abandona seus aliados sírios durante batalha

    © AFP 2017/ Comando Central da Força Aérea dos EUA
    Mundo
    URL curta
    274701830

    A Força Aérea dos Estados Unidos abandonou seus aliados sírios num momento crítico da batalha, o que levou ao fracasso da operação, de acordo com o jornal The Washington Post.

    Fontes do jornal informam que, em 28 de junho, pilotos americanos foram designados para fornecer cobertura para as forças da oposição síria durante um ataque à cidade de Abu Kamal. No auge da operação, os pilotos foram obrigados a deixar a área e ir para a periferia da cidade de Fallujah no vizinho Iraque.

    Segundo o representante oficial do Pentágono Chris Garver, o comando da Força Aérea considerou que o alvo mais importante na altura era uma coluna de militantes do Daesh, recentemente derrotados em Fallujah.

    No meio disto, os combatentes do Exército Livre da Síria foram forçados a recuar.

    O jornal escreve que o fracasso da operação foi um duro golpe para os planos dos EUA de criar uma unidade local capaz de resistir aos islamitas. A publicação também se pergunta se os Estados terão recursos suficientes, uma vez que têm que manobrar constantemente ao longo de um vasto território.

    A coalizão de 66 países liderados pelos EUA bombardeia posições do Daesh desde 2014. As operações são realizados sem a permissão das autoridades sírias.

    Mais:

    Daesh força rebeldes sírios apoiados pelos EUA a recuar perto da fronteira iraquiana
    Diretor da CIA: Daesh prepara atentado nos EUA semelhante ao de Istambul
    Mídia: Daesh organizará mais atentados nos EUA
    Tags:
    batalha, Daesh, Exército Livre da Síria, Força Aérea dos EUA, Síria, Iraque, Fallujah
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik