15:12 24 Agosto 2019
Ouvir Rádio
    Bandeiras dos países do Mercosul

    Rússia trabalha em acordo entre Mercosul e União Eurasiática

    © AFP 2019 / Norberto Duarte
    Mundo
    URL curta
    0 121

    A Rússia e os países-membros do Mercosul estão trabalhando para firmar um acordo entre o bloco sul-americano e a União Econômica Eurasiática. A informação é do embaixador russo no Uruguai, Aleksei Labetski.

    "Nós estamos trabalhando para firmar um acordo entre o Mercosul e a União Econômica Eurasiática; este trabalho está em curso, e temos a esperança de que seja firmado no momento adequado", destacou Labetski, que também coordena os contatos da Rússia com as organizações internacionais com sede em Montevidéu. 

    Segundo ele, "ainda  que haja muito trabalho a fazer", ambos os blocos têm um interesse "real e concreto" neste trabalho.

    "Estamos interessados em expandir nossas relações econômicas e políticas de cooperação com esta união da América do Sul", disse ele.

    O diplomata acrescentou que, para além da cooperação no âmbito das organizações econômicas regionais, a Rússia tem relações bilaterais "muito frutíferas" com todos os Estados-membros do Mercosul. 

    A União Econômica Eurasiática, formada pela Armênia, Bielorrússia, Cazaquistão, Quirguistão e Rússia, é uma união econômica que se tornou operacional em 1° de Janeiro de 2015 e tem como objetivo fortalecer a integração dos países através da união aduaneira para formar o maior mercado comum no espaço pós-soviético.

    Mais de 40 países e organizações internacionais expressaram seu desejo de criar uma zona de comércio livre com a União Econômica Eurasiática. 

    Mais:

    Especialista vê Mercosul ameaçado com negociação de acordos comerciais em separado
    Acordos Taiwan-Paraguai ameaçam unidade do Mercosul?
    Paraguai quer ser porta de entrada de Taiwan no Mercosul
    Brasil quer negociar acordos comerciais sem parceria do Mercosul
    Tags:
    acordo, cooperação, União Econômica Eurasiática, Mercosul, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar