07:58 14 Dezembro 2018
Ouvir Rádio
    Jens Stoltenberg, secretário-geral da OTAN

    Secretário-geral da OTAN é a favor da manutenção das sanções contra Rússia

    © AFP 2018 / JOHN THYS
    Mundo
    URL curta
    11111

    O secretário-geral da OTAN Jens Stoltenberg acredita que seria melhor a União Europeia manter em vigor as sanções contra a Rússia até que ela "mude seu comportamento", comunica a agência Reuters.

    "Acho que não podemos levantar as sanções econômicas até que a Rússia mude seu comportamento. Acredito que exista um acordo mútuo sobre esta questão na UE", disse ele em entrevista à agência.

    O seu colega europeu e ministro das Relações Exteriores da França Jean-Marc Ayrault disse que é necessário estudar os passos possíveis para o caso de haver melhoria da situação.

    "Considerando que estas sanções serão prolongadas por um período de 6 meses, precisamos de uma discussão para compreender, no caso de alterações concretas da situação, que passo em frente da Rússia seria possível. Mas é preciso cumprir as condições, os russos e os ucranianos devem executar sua parte do trabalho no processo de implementação dos Acordos de Minsk", acrescentou ele.

    Ainda antes, o ministro das Relações Exteriores da Alemanha Frank-Walter Steinmeier tinha dito que a questão do levantamento gradual das sanções contra a Rússia pode ser estudada no caso de progresso no cumprimento dos Acordos de Minsk até o final de junho. O ministro das Relações Exteriores da Áustria Sebastian Kurz exortou a União Europeia a levantar gradualmente as sanções contra a Rússia em troca de cada fato de cumprimento dos Acordos de Minsk.

    Mais:

    Chanceler britânico: sanções são uma arma eficaz contra a Rússia
    Embaixador de Portugal: não há razão para sanções
    Tags:
    cumprimento, condições, prolongamento, acordo, sanções, levantamento, OTAN, Jens Stoltenberg, UE
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik